Educação reúne diretores para mais orientações sobre retomada segura

0
298

A retomada segura das aulas, em 18 de fevereiro, e os protocolos de prevenção e higienização nas escolas e creches foram o tema do I Fórum de Gestores de 2021 da Rede Municipal de Ensino, realizado na modalidade on-line nesta sexta-feira (5/2). O fórum reuniu diretores e vices das unidades e os chefes dos dez Núcleos Regionais da Educação.

Na abertura, a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, destacou que a rede está preparada para oferecer um retorno seguro às famílias.

“Estamos todos vivendo situações inesperadas. A escola de 2020 e a escola de 2021 são diferentes de tudo que já vivemos. Vamos trabalhar juntos, com cautela, com cuidado, seguindo as orientações das autoridades de saúde”, disse a secretária.

“Vamos acolher o que nossos diretores nos disserem, o que for considerado seguro para cada momento. E agradeço imensamente todo o apoio que as equipes da saúde têm nos dado, inclusive na elaboração do nosso protocolo para volta às aulas”, completou Maria Sílvia.

O fórum contou com a participação do diretor do Centro de Epidemiologia da Secretaria Municipal da Saúde, Alcides de Oliveira, que orientou os diretores e esclareceu dúvidas.

“A educação é um pilar fundamental da sociedade. Estamos há um ano enfrentando esta pandemia e os educadores tiveram que se adaptar a esta nova realidade”, relatou.

A superintendente de Gestão Educacional, Andressa Pereira, destacou que os dados e estudos da Saúde nortearam a elaboração do Protocolo de Retorno das Atividades Presenciais, que começou a ser elaborado na metade do ano passado. O protocolo foi construído a partir dos estudos e planejamento de um comitê composto por 28 membros de diversos segmentos, instituído pelo Decreto 998 e validado pelo Comitê de Técnica e Ética Médica da Secretaria Municipal de Saúde.

“Tivemos que viver uma nova realidade, e os estudos científicos e as informações repassadas pela Saúde foram fundamentais”, afirmou Andressa.

Formatos híbrido ou remoto

Este ano, as famílias poderão optar pelo formato híbrido (presencial e videoaulas da TV Escola Curitiba) ou remoto (videoaulas e kits pedagógicos individuais).

A troca de opção poderá ser feita a cada mês, caso a família decida mudar o formato adotado.