Renato Barros, da banda ‘Renato e seus Blue Caps’ morre aos 76 anos.

0
69
Anuncie aqui (Article top) Acesse a loja virtual do Magazine Curitibalegal, e compre por menos.

Renato Barros, embalou o coração de muita gente, depois que formou o conjunto (na época chamávamos assim as bandas) “Renato e seus Blue Caps”, seus sucessos foram tocados por todos os conjuntos da época, e depois do auge da “Jovem Guarda”, nome que surgiu depois de intitular o maior programa da juventude daquela época, encabeçado por Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderleia, e onde apareciam todos os cantores e conjuntos da época, então cantores e conjuntos da Jovem Guarda.

O grupo “Renato e seus Blue Caps” gravou uma infinidade de discos, e a maioria das músicas eram versões (nome dado, quando colocávamos letra, em português, nas músicas estrangeiras) dos sucessos dos The Beatles.

Renato Barros deu o nome e encabeçava o conjunto, que até os dias de hoje continua encantando com seus sucessos.

Renato Barros, conforme informações de uma amiga da família, no dia em que ele foi hospitalizado, “deu entrada na sala de operação praticamente já morto.”

O procedimento cirúrgico, realizado dia 20 de julho, durou sete horas e Renato lutou oito dias pela via, hospitalizado. Na segunda-feira (ontem dia 27), ele teve uma piora no quadro e precisou ser entubado e seddo. O rim já não funcionava mais e o pulmão também estava em estado crítico, conforme informa o site Metrópoles.

Renato Barros faleceu no fim desta manhã, terça-feira, dia 28 de julho. A turma da Jovem Guarda está de luto.