Confiança dos comerciantes volta a crescer no Paraná

0
109
Anuncie aqui (Article top) Acesse a loja virtual do Magazine Curitibalegal, e compre por menos.

Empresários se mostram esperançosos para o cenário pós-pandemia

A confiança dos empresários paranaenses voltou a crescer, após três meses de queda. O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC), apurado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), teve crescimento de 7,0% na variação mensal, marcando 75,2 pontos neste mês. Em junho o indicador ficou em 70,2 pontos.

Apesar da elevação, por estar abaixo de 100 pontos, o índice é considerado insatisfatório, o que mostra pessimismo entre os tomadores de decisão do varejo. Na comparação com o mesmo mês do ano anterior houve retração de 36,0%.

O índice de confiança do empresário paranaense está acima da média nacional, que ficou em 69,3 pontos, com variação mensal positiva de 6,6%.

Expectativas pós-pandemia

Dentre os fatores avaliados para composição do indicador, o responsável pelo aumento do ICEC foi o Índice de Expectativas do Empresário do Comércio (IEEC), que registrou alta de 18,2% na comparação com junho, ao passar de 96,8 pontos para 114,4 pontos agora em julho. Esse aumento evidencia que os empresários têm esperança de que as coisas devem melhorar no cenário pós-pandemia.

Condições atuais

Por outro lado, o Índice de Condições Atuais do Empresário do Comércio (ICAEC), no qual os entrevistados opinam sobre as condições atuais da economia, do setor varejista e dos estabelecimentos comerciais, é o ponto mais crítico. Com 33,2 pontos, teve queda de 6,1% em relação ao mês passado.

Investimentos

Já o Índice de Investimento do Empresário do Comércio (IIEC) ficou em 77,9 pontos, com redução mensal de 1,0%, especialmente quanto a novos investimentos (-5,6%) e situação atual dos estoques (-4,6%). Um fator positivo é o Indicador de Contratação de Funcionários, que cresceu 8,4% na comparação com junho.