OPERAÇÃO RETRO CASE –  Receita Federal e Polícia Civil do Paraná fazem operação contra a sonegação fiscal e fraudes em licitações no Paraná

0
455
Publicidade s-art
Foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (16/10) operação conjunta da Receita Federal (RFB), Polícia Civil do Paraná e Ministério Público Estadual com o objetivo de combater organização criminosa especializada na prática de fraudes em licitações de prefeituras do interior do Paraná.

57 policiais civis e 4 servidores da RFB cumprem ordens judiciais expedidas pelo Juízo da Vara Criminal da Justiça Estadual de Medianeira/PR,  perfazendo  26 mandados de busca e apreensão, em 8 municípios da região oeste do Paraná, 11 prisões temporárias, dentre empresários e servidores públicos e além de  sequestro e bloqueios de bens e valores dos investigados.

No curso da investigação conjunta foram detectados pagamentos de vantagens indevidas à agentes públicos, fraudes na execução de contratos, constituição de empresas em nome de laranjas e omissão de receitas.

Estima-se que o grupo atuou de forma fraudulenta por mais de 5 anos e  tenha fraudado diversos contratos em diversas prefeituras da região na ordem de dezenas de  milhões de reais.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de lavagem ou ocultação bens, direitos ou valores, crimes de associação criminosa, fraude em licitações, falsidade ideológica, corrupção ativa e passiva e crimes contra a ordem tributária.

A coletiva de imprensa será na sede da Polícia Civil em Cascavel/PR, nesta manhã, com apresentação de maiores detalhes da investigação e contará com a participação do Auditor-Fiscal Filisberto Luis Mioto, Delegado da Receita Federal  em Cascavel e  de representantes da  Polícia Civil do Paraná e Ministério Público  Estadual.

Com Superintendência Regional da Receita Federal do Brasil da 10ª Região Fiscal